Com a pandemia, grifes e empresas do segmento de vestuário continuam apostando em uma moda um tanto repaginada. Muita gente da área da moda e comportamento se refere a essa mudança, impulsionada pelo distanciamento social, à uma “moda diferente”.

Isso porque, embora o distanciamento social tenha se flexibilizado no país à partir de setembro, a vida não voltou ao “normal”.

Assim, essa nova tendência das grifes é a aposta em coleções confortáveis. A moda, lançada até o final de 2020, tem como regra peças que priorizam as pessoas que estão em casa. Além disso, os consumidores que, por exemplo, fazem reuniões virtuais de trabalho.

Foto: Pexels

Consultora de moda e estilo explica

Por exemplo, a consultora de moda e estilo Andreia Faustim revela que seus clientes se recusavam tirar o pijama. Isso, devido ao fato de terem ficado em casa por meses. “Assim, o maior desafio das grifes e marcas é unir o conforto das roupas de dormir ao estilo mais formal”, fala a consultora.

E esse fator que Andreia explica fez com que surgisse um novo consumidor de moda. Muitas grifes, por exemplo, estão dando um tempo a coleções mais formais. Por exemplo: ternos, sapatos sociais, etc.  E, consequentemente, estão investindo em malhas mais confortáveis.

Embora as empresas do ramo de vestuário estejam conseguindo atender à tendência do confortável, aquelas marcas conhecidas tiveram sua vendas impulsionadas pela pandemia.

A Havaianas do Brasil, por exemplo, declarou que fechou o segundo semestre com aumento de 550% nas vendas por e-commerce. “Muito se deu por conta da migração de canal – uma vez que ficamos por alguns meses com lojas fechadas. No entanto,  também por um interesse maior das pessoas em buscarem novas Havaianas para usar em casa. Ou até ter um par extra apenas para sair para a rua.”, conta a head de Marketing e Comunicação de Havaianas Brasil, Mariana Rhormens.

Foto: Pixabay

Moda confortável: mais proteção contra à Covid-19

O técnico de áudio André Mainardi diz que passou a usar muito mais os chinelos e roupas confortáveis. No caso, desde abril até aqui.

André comenta que esse tipo de moda é muito mais interessante e prático na pandemia. Por exemplo, ele explica que ao voltar da rua, o ritual de proteção contra a Covid-19 se torna mais fácil quando usamos roupas confortável e práticas.

“É muito mais fácil higienizar o que vem da rua se você saiu de chinelo.”, explica o técnico de áudio. André ainda fala que, sempre que pode, vai de chinelos, por exemplo. De acordo com ele, para desinfectar-se mais facilmente quando chega em casa.

Foto: Pixabay

A importância das cores neutras

A consultora de moda e estilo, Andréia, finaliza: “Aqueles que estão em home office e têm as reuniões virtuais de trabalho,  a dica é ficar pronto. Porém, não é preciso se sentir desconfortável.”

“Acessórios, por exemplo, podem ser deixados perto do computador. Assim, que tal se arrumar mais no momento das chamadas por vídeo?”, sugere a consultora.

Andréia ainda diz que cores neutras são ótima aliadas para sair bem no vídeo. “Há muitos recursos, basta apenas tirar o pijama.”, brinca Andréia. “A moda precisa ser confortável, fácil e inteligente no novo normal.”, conclui.

Tags: | |

Quer ficar bem informado?

Inscreva seu e-mail no Meu Grande ABC para receber atualizações com as últimas notícias da nossa região, do Brasil e do mundo, além de conteúdos sobre tecnologia, finanças, saúde, entretenimento e muito mais.

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Redação
Redação

Encontre no Meu Grande ABC notícias publicadas nos principais veículos de comunicação da região e do país, selecionadas pelos nossos editores, além de conteúdo sobre tecnologia, saúde, bem-estar, entretenimento e muito mais.